Aves de Rapina

Milhafre-preto

Milvus migrans

Distribuição Geográfica: Amplamente distribuído pela Europa, Ásia, África, Médio Oriente e Austrália.

Habitat: Normalmente associado a massas de água como rios e albufeiras, mas também está presente em zonas florestais, pastagens, campos agrícolas e zonas humanizadas como quintas, explorações pecuárias, lixeiras e estradas.

Alimentação: Alimenta-se principalmente de presas de pequeno porte, como roedores, lagomorfos, aves terrestres, peixes, répteis, anfíbios e insetos. É também necrófago regular.

Reprodução: Nidifica geralmente em pinhais, montados, matas ripícolas e outros bosquetes. Põe 2-3 ovos que são incubadas durante 31-32 dias e as crias permanecem no ninho cerca de 50 dias. Ambos os progenitores cuidam e alimentam as crias.

Comportamento: É uma ave na maioria das vezes gregária, podendo ser solitária ou colonial na época reprodutiva. É monogâmica, pois mantém o mesmo par durante vários anos, embora esta ligação seja aparentemente sazonal nas populações migradoras.

Curiosidades: Pode confundir-se com o milhafre-real, no entanto pode-se distinguir por ser de menor dimensão, pela plumagem mais escura, e pela cauda castanha e menos bifurcada.

Estatuto de conservação: Pouco preocupante (LC), CITES Anexo II

Fatores de ameaça: Perseguição pelo homem, caça, modificação das práticas agro-pastoris, colisão e electrocução.

Classificação

Classe: Aves

Ordem: Accipitriformes

Família: Accipitridae

Dimensões: 47-60 cm de comprimento e 1,35-1,55 m de envergadura.

Peso: 630-928 g nos machos e 750-1080 g nas fêmeas.

Longevidade média no estado selvagem: 20 anos.

Longevidade máxima no estado selvagem: 24 anos.

Outros animais em Aves de Rapina